Real Time Web Analytics

28 de mar de 2013

Unindo amigos

A internet é a coisa mais doida e bacana que surgiu neste mundão!
Amigos e parentes distantes podem se conectar num instante.
E assim fico muito feliz de ver a visitinha da minha querida amiga Aglaia, que já há alguns anos esta morando looonge, mas muito perto do meu coração bobo (...bola, balão são joãoooo lembra Glaia?)
O tempo passa, a distância é grande, a saudade aperta, mas a amizade verdadeira é eterna!
Love u amiga!

Páscoa

Vou ali roer uns ovinhos de chocolate e já volto!
Mas antes gostaria de desejar aos meus amigos e colegas uma excelente Páscoa, repleta de amor e união!
Aproveito ainda para agradecer ao meu DEUS (q é sempre +),  em oração faço isto, mas publico aqui apenas como externalização da minha gratidão, pois me ajudou numa cota extra hoje!!!

27 de mar de 2013

Revolta e tristeza.


Infelizmente são estes os sentimentos que tenho na maioria das vezes que acesso meu facebook.
Vejo e recebo tantas mensagens tristes da causa animal que muitas vezes chego a chorar!

Mas também em muitas situações do meu dia-a-dia teem me causado este pesar de sentimentos.

Ontem eu fiquei extremamente chateada com uma situação. Comentei neste post que encontrei um gatinho miando na minha janela, esfomeado e com sede. A primeira vista pensei que fosse o gatinho de um garoto dali do condomínio, porque há alguns dias atrás este moleque apareceu na minha janela para mostrar o tal gatinho.

O gatinho era um filhote amarelo lindo, que foi comprado pelo pai num aviário. Isto só já é motivo mais que suficiente para me irritar! Venda de animais, venda em aviários, sem qualquer tipo de termo de responsabilidade e somente um "tanto faz" para a vida do animal! Mas o pior estava por vir, claro! Esta família mora no terceiro andar e nada de telas de proteção nas janelas.

Enfim, ao encontrar o gatinho "perdido" o acolhi e pensei em devolvê-lo a noite, ainda com grande receio. A noite quando cheguei do trabalho, encontrei o moleque no pátio e perguntei a ele do gatinho dele. A resposta era que o gato estava em casa e tudo bem. Insisti se estava mesmo e o menino conffirmou que sim. Assim mesmo o levei em casa para ver o meu novo amiguinho. O menino se encantou com o gatinho hospede mas confirmou que não era o dele. Senti alívio por um lado.

Nisto o garoto se empolga e pede se pode ficar com este também. Respondi que até poderia, mas que deveria ir antes falar com o pai. Ele saiu saltitante e voltou ainda mais com a resposta "sim, o pai deixou!".

AHAMMMM! Já com certeza que tinha coisa errada nesta história torta, eu disse ao garoto que iria levar o gatinho e falar com os pais dele, afinal, seriam então 2 gatinhos e teriam que telar o apartamento. Assim sai com o gato amarelo encontrado na minha janela, acomodado dentro de uma sacola.

Quando encontrei o "simpático" papai percebi de cara que o moleque não tinha falado nada e o pai estava pouquíssimo interessado no gato. Aliás, parecia mais é querer ver o gato desaparecer! Já a mãe do menino, que estava dependurada na janela, se interessou e desceu para falar comigo. Ai sim que veio o meu tormento!

Eu: _ Oi, como vai, blá, blá, blá! Perguntei como que esta o gatinho que vcs "compraram"?
Ela: _ Ah... Sumiuuuu, faz uma semana.
Foi assim, na maior cara de paz, que ela me disse isto, a infeliz!

SUMIU COMO? DE UM APARTAMENTO? DO TERCEIRO ANDAR?

A minha vontade foi "sentar a mão na lata" desta mulher! Mas como pessoa civilizada que insisto em ser, me segurei, calmamente e somente expliquei a questão da importância de se telar apartamentos,  passei contatos, perguntei se ela procurou o bichinho, dei dicas, etc... Meu coração já estava detonado de tristeza e raiva.

TRISTEZA E RAIVA ... pensando em que sofrimento este serzinho inocente havia estado, de viver num mundo involuído que não dá o menor valor para a vida! De conviver com pessoas imbecis e ignorantes como esta família e ainda um bando de mentirosos! Porque o moleque não passa de um bom mentiroso!!! 

Para finalizar, a mulher, mãe e irresposável, ficou tão apaixonado pelo outro gato da sacola que queria instantaneamente ficar com o bichinho! AHAMMMMM!!!! VA#@... Senta e espera que vou deixar outro inocente padecer nas mãos de gente como esta!

Só posso repetir:
SEJA RESPONSÁVEL COM A VIDA  QUE VOCÊ ADOTA,
ANIMAIS SENTEM O MESMO QUE NÓS: DOR, SEDE, FOME...

muito triste  =(


26 de mar de 2013

Gatos!


Pelo amor de Deus, será possível ter responsabilidade? Eu fico indignada com os humanos que "pegam" animais e não entendem que isto é uma adoção! Hoje cedo me deparei com um gato filhotão miando na minha janela. Tenho quase certeza que é de um vizinho que "comprou num aviário" o gato para o filho! Detalhe, o vizinho mora no terceiro andar do prédio que fica a uns 100 metros do meu! Logo, o gato caiu pela janela e foi parar do outro lado! E prestes a ir pra rua que por sua vez é super movimentada! Ô infernoooo! Vontade de fazer um BO pra este caso!!! Ah! E quando eu estava saindo para ver o gato, uma mocinha também vizinha me falou que achava que era meu o bichano, pois ela já o tinha visto ali outras vezes!
Conclusão: hospedei o bichano até eu retornar para casa e decidir o que fazer!
Devolvo? Pra quê? Para esperar ele morrer na minha cara?
POVO FDP!!!!

25 de mar de 2013

Macarrão do domingão

Preguiça + fome = macarronada vegetariana

Hummm... macarronada com direito a toalha da "nona"! Estava com um preguiça domingo e a fome me apurrinhando. Juntei legumes + massa!

Receitinha simples:
- 300 gr macarrão tipo fusilli cozido al dente
- 1 xícara de  cenoura, brócolis, ervilha, vagem já refogados (os meus eram congelados, então só descongelei)
- 3 ou 4 fatias grandes de tomate seco (picadinho)
- alho
- azeite
- pitada de manjericão

Refoguei o alho picadinho no azeite, acrescentei os tomates secos e abafei. Acrecentei os vegetais e mexi bem. Por último mistura o macarrão, manjericão e finalizei com parmesão a gosto!
Ah! Não esqueça de colocar o sal a gosto também!

Leopoldo: o gato xereta!

O Leopoldo (Leopoldim) é o meu gatinho malhado que amooo de paixão e de todo meu coração! Ele tem estes olhos grandes e "esbugalhadinhos" com ar triste! Mas ele é muito feliz e arteiro, como dá para perceber aí pela imagem.

Dei bobeira com um saco de lãs e lá foi o Leopoldo se enfiar no recanto quentinho! E ai de mim se eu tento tirar ele delá! Ele morde!!! Hehehe!

Pensa num gatinho decidido, ousado e valente, este é o Leopoldo, meu príncipe!

Clique para aumentar!
Consegui fotografar alguns minutos da sua aventura e compartilho com carinho.

Moringa gato

Moringa foférrimaaaaa da Jodja de gatoooo! 
Eu quero muitoooo!

 www.jodja.com.br



22 de mar de 2013

Verde Água ou Berilo

AAAdorooo esta cor, desde criancinha!
Me lembro que eu era apaixonada pelos meus lápis de cor, mas o "verde berilo" ninguém  encostava!
Hoje estou com uma blusinha básica desta cor e me inspirei com outros acessórios da mesma cor para alegrar o dia de vocês também.
 Sempre Linda Store

Meu Closet Meu Jardim

Pizzati



20 de mar de 2013

Viagem em família!

Olha a foto que encontrei e não pude deixar de publicar! Esta foi uma viagem em família, eu e meus gatinhos todos devidamente acomodados em caixinhas de transporte + equipamento de apoio: toalhas úmidas pq estava um P... calor.
A viagem foi de aproximadamente 6 horas, mas felizmente deu tudo certo, chegamos ao nosso destino cansados, mas super bem!

7 de mar de 2013

Novidadeeee!!!


Ai gente... não estou me aguentando d tanta ansiedade para contar uma novidade!!!
A loja vai voltar!!! 
Vou lançar minha marca aqui em breve com os primeiros produtinhos cutes!
Espia só um tiquinho...
Espero q vcs gostem (e-comprem muitooo).


6 de mar de 2013

Salvei a lagartixa

Você quer um "BOM DIAAA" com ou sem emoção?
O meu começøu ativo e emocionante! Acordei com vários "mius", num coro de gatinhos, sobre a minha cama em observação atonita em direção ao teto. Eu sonolenta ascendi a luz e, tchãnãããnnn: uma lagartixa linda e totalmente desesperada para sumir dali.

Bem, eu precisei intervir na situação antes que o massacre ocorresse!

Primeiro que no afã de segurar 5 gatinhos doidos escorreguei e quase me "espatifei" no chão.  Decidi colocar um pote em cima da lagartixa para assim conseguir prende-la em algo e livrá-la a morte quase certa. Nisto a dita cai e me dá outro sustão! Dei um grito que eu nunca imaginei ser capaz de produzir, algo de desespero e terror. Acho que acordei o prédio todo!

A lagartixa soltou o rabo e dai complicou, porque a gataiada queria também "papar" o rabo!
Empurra um, assopra o outro, gritaria de gato e consegui tirar a lagartixa do quarto, pela metada, mas viva! O rabo dela saltitante cobri com uma tampa e retirei de lá depois!
Para quem não tá entendendo esta parte do rabo: a lagartixa tem esta capacidade de "soltar" o rabo para distrair seu predador e com o tempo ele se regenera.

Créditos da imagem: Revista Nova Escola